domingo, julho 09, 2006

Omo

Hoje o assunto é propaganda.
De sabão em pó.
Omo. (hey, Omo é um palíndromo!)

Uma réporter, para comprovar a eficiência de Omo, diz que irão lavar centenas de meias de todas as crianças de uma pequena cidade. Então, a câmera nos mostra as criancinhas tirando as meias sujas. Até parece que elas só andavam de meia no meio do terrão... só assim pra explicar o exagero da sujeira. As meias são postas na máquina, Omo é posto na máquina e depois todas as meias branquinhas (olha, ninguém na cidade usa meias coloridas!) são acumuladas num grande recipiente parecido com aquele da fábrica do tio Wonka, em que o Augustus Glup ficou entalado.

E a dúvida que permeava minha mente infantil: Como eles fizeram pra devolver cada par de meias ao seu dono?!

8 Comments:

Marco; said...

Mas ein, eu também reflito isso todas as noites. há coisas que jamais saberemos.

Ana Martins said...

Será que eles escreveram os nomes nas meias???

Eu adoro palíndromos. Meu nome é um palíndromo. =P

Marco; said...

se eles tivessem escrevido os nomes, certamente sairiam. talvez não.

ou talvez aquele comercial seja uma grande mentirinha. Ah, acabou com meu sonho!

Ana Martins said...

Eles podem ter escrito com tinta pra tecido. =P

Mestre Campestre said...

Tudo ocorreu graças a mágica da Tevê.
Adorei o texto. ;)

*Renata Costa* said...

Úia, eu tbm sempre tentava pensar nisso. Muito bom Mymi.

Ah talvez os nomes fossem bordados nas meias igual minha mãe fazia com minhas toalhas que eu levava para o Pré =P

Mico said...

isso me dá medo...

Bárbara Amelize said...

Vim aqui para dizer o mesmo que o Mico.. isto me dá medo! De onde tira estes pensamentos? hahahahahaha

Então... acho que as meias não têm dono! Pegaram em uma loja (coisa que pode explicar só ter meias brancas), deram para as crianças jogarem em lamaçais (o que explica o exagero da sujeira), depois lavaram e iam devolver para a loja... afinal, elas não estão tão limpas quanto antes?

Ou não? rsrs

Beijo!