terça-feira, janeiro 08, 2008

apresentando: A Princesa Xuxa e os Trapalhões

Houve uma época em que os filmes da Xuxa pipocavam anualmente na telinha da Sessão da Tarde. Não que hoje seja muito diferente, mas naquela época era, er, especial. Havia também os filmes d'Os Trapalhões, que eram muito mais divertidos do que os filmes da Xuxa. Eis que um belo (?) dia decidiram misturar os dois e o resultado foi o filme Princesa Xuxa e os Trapalhões.


Trailer do filme.

A história é assim: Xuxa é Princesa Xeron virgem e orfã, cujo trono do planeta Antar foi usurpado pelo malvado Ratam. Ele então escraviza todas as crianças, pois é um cara muito malvado, buuu. Xeron, tapada, nem desconfia. Do lado de fora três príncipes interpretados por Mussum, Dedé e Zacarias aliados a Didi, como Cavaleiro Sem Nome, tentam salvar o mundo.

Esse é um filme que se vende pelo elenco e não pela história. O nome da princesa não é Xuxa e Os Trapalhões não estão lá como Didi, Dedé, Mussum e Zacarias. Seria como mudar o título de 'O Assinato de Jesse James' para 'O Assassinato de Brad Pitt'. Mas é claro que colocar dois nomes de peso, na época, logo no título chamaria muito mais a atenção.

As poucas coisas que lembro do filme estão meio nubladas. E são essas poucas coisas que eu gostaria de comentar.

- Didi, como Cavaleiro Sem Nome, fazendo parzinho com a Xuxa.
Até hoje quando lembro da cena em que eles se beijam em cima de uma duna fico constrangida. Também ficava constrangida quando ouvia o Didi ser chamado de Cavaleiro Sem Nome. Aliás, ficar constrangida e com vergonha alheia eram as coisas mais comuns quando via esses filmes.

- Cena da Xuxa nadando na lagoa/rio/poça d'água.
Eu ficava com tanta vergonha dessa cena, que se minha mãe estivesse perto eu trocava de canal.



Xuxa vs. Ratam

- Presença do Trem da Alegria e a cena da lata de refrigerante.
As crianças escravizadas eram ninguém menos do que o Trem da Alegria. Eles eram figurinha carimbada no Xou da Xuxa, e como nesse tipo de filme nacional é muito comum a presença de bandas do momento, era certo que um dia eles estariam num filme.
Então, numa das cenas finais, todos embarcam em uma nave espacial. Algumas cenas da Terra, o planeta que eles pretendem ir, começam a passar. Um menino aperta um botão que não devia e uma lata de refrigerante, se não me engano Pepsi, aparece. Ele abre, faz cara de levado e toma. É o suficiente pra Xuxa fazer um escândalo.

- Roupas futuristas da princesa.
Não sei de onde saiu que no futuro e em outros planetas só existe a cor prata. As roupas que Xuxa usou durante sua fase princesa no castelo, eram recheadas de arames em formato circular e muito prata.

- Um vilão chamado Ratam.
Ratam! Ratam é matar ao contrário!

Por essas e outras que A Princesa Xuxa e os Trapalhões é um clássico e o meu filme preferido da Xuxa, depois de Lua de Cristal.

7 Comments:

Anônimo said...

E ela aparece semi-nua na lagoa, Mymi!
:0
Adriane

Keyko said...

o primeiro filme que assisti no cinema foi dos trapalhões...só não lembro se foi esse.
Sei lá, acho que se assisto hoje,novamente, talvez fique com medo.

Josei said...

Xuxa agora beija Luciano Szafir em seus filmes, mas ela já foi princesa do Didi e o Sérgio Mallandro já foi seu príncipe no cavalo branco...


Lua de Cristal foi o primeiro filme que eu assisti no cinema.

Dahi Penno said...

Sem contar nas musiquinhas de fundo.....
kkkkkkkkkkkkkkk
Foi bom relembrar essa minha época "encantada" com a Xuxa.

;)

Monique said...

Lembra da Duda Little? A garota que era amiguinha da Xuxa em Lua de Cristal e tal? É prima do meu namorado. Ele disse que foi obrigado a assistir 'Lua de Cristal' um zilhão de vezes por isso. =P

*Renata Costa* said...

Os roteiristas assistima "o iluminado" demais

Lia said...

Você mora no Rio de Janeiro? Tenho a vhs de 'Fofão e a Nave Sem Rumo', quase tão contrangedor quanto. Quer emprestada?