segunda-feira, agosto 11, 2008

O dia em que a Terra parou

Gmail há uma hora sem funcionar. Imagina se isso acontecesse com o msn, por exemplo, a quantidade de adolescentes se matando neste minuto. Como o Gmail é um e-mail mais, digamos, sério, as pessoas estão apenas se descabelando pelo transtorno. Fica aqui minha solidariedade, companheiros. Só não estou junto, nessa luta, xingando até a quinta geração do Paul Buchheit, porque não preciso acessar o Gmail agora.

Fica aqui minha homenagem a esse serviço de e-mails, lindo, que eu acesso umas dez vezes por hora. Onde eu converso com meus amigos no GEC (Grande E-mail Coletivo), onde recebo atualizações dos grupos que participo (#clubedoe-livro e #blogyn), onde recebo newsletters que não leio, onde armazeno informações importantes sobre minha pessoa, onde as pessoas podem entrar em contato comigo, onde leio os comentários do meu blog, onde eu converso com o meu namorado usando o sistema de bate-papo...

Ok, estou começando a me descabelar também.


3 Comments:

Alexandre Normal said...

Awn, você citou o GEC. =D

Taci said...

Isso foi só um teste - medindo o grau de desespero o Gmail vê como anda o plano de dominar o mundo.

Atentem para isso!!

Monique said...

Céus! Ainda bem que eu não vi isso! Nem meus colegas. Teriam todos surtado!